http://www.facebook.com/l.php?u=http%3A%2F%2F74.222.1.197%3A13742%2F%3Btype%3Dmp3%26volume%3D100%26

Loading...

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Conceito de Família e Casamento (2)

Rev. Elci


No estudo da antropologia, se observam várias práticas
No que respeita à União Conjugal, ao matrimônio:
Monogamia - Costume ou prática, socialmente aceita,
De uma pessoa - homem ou mulher - só um cônjuge vir a ter.
Poliandria - Prática segundo a qual uma mulher podia ter
Vários maridos, simultaneamente.
Poligamia – União Conjugal d’um homem com várias mulheres,
Ao mesmo tempo, de sua capacidade financeira a depender.
Casamento de grupo – N’algumas situações de sociedades
Em que mais que duas pessoas se casavam,
Umas com as outras, num grupo bastante coeso.

Casamento na antiga Grécia – alguns informes
As jovens atenienses casavam entre os 14 e os 18 anos,
Enquanto que os homens por volta dos 30 anos.
Era relativamente comum o casamento entre
Um primo e uma prima, um tio e a sua sobrinha,
Ou mesmo entre meios-irmãos que não tivessem o mesmo pai.
O casamento era antecedido pela cerimónia do noivado (enguesis),
Uma negociação entre o pai da jovem (ou o seu tutor) e o noivo,
Podendo ter lugar vários anos antes da concretização do casamento.
De noite decorria o ritual de condução da jovem para a sua nova casa.
Na porta da casa do noivo, seus pais a noiva recebiam.
A mãe do noivo, portando uma tocha e o pai uma coroa de mirto.

Dava-se à noiva um bolo de sésamo e mel ou uma tâmara.
Atiravam-se então sobre a cabeça desta figos secos e nozes,
Enquanto era levada até ao fogo sagrado pela mãe do noivo.

Bibliografia: ADKINS, Lesley; ADKINS, Roy A. - Handbook to Life in Ancient Greece. Nova Iorque: Facts on File, Inc., 1997. ZAIDMAN, Louise Bruit; PANTEL, Pauline Schmitt - Religion in the Ancient Greek City. Cambridge University Press, 1992. ISBN 0521423570

Nenhum comentário:

Postar um comentário